quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Vou ser Feliz



Um colar feito de um Sonho. Obrigada João

Há dias, aconteceu-me  uma coisa que me tem trazido pensativa e tenho até meditado sobre ela.

Recebi a visita de uma das minhas estrelinhas, que começou a brilhar no meu céu com 6 meses de vida e que hoje já é uma Estrela com 24 anos.

Veio despedir-se!

Naturalmente, perguntei-lhe para onde ia.

- Vou fazer aquilo que tu disseste que era o mais importante da vida!

Provavelmente terei feito uma cara de espanto!

- Lembraste quando nós às vezes te perguntávamos:  “Quica, o que é que vamos fazer hoje?" e tu respondias com um ar muito sério: " hoje... bem... hoje… VAMOS SER FELIZES". E passávamos o dia a ouvir histórias, a jogar futebol, íamos procurar o Joaquim à casa dos ciganos, íamos ao parque procurar bichinhos, bolotas, dar corridas, ouvir os passarinhos e a água a correr no tanque velho...
É o que eu vou fazer! Vou SER FELIZ!

- Vou atrás do meu Amor e de uma criança linda que tem um nome que quer dizer SOL. Vou morar na natureza, vou partilhar com ela a minha educação e espero que ela partilhe comigo algumas coisas, as necessárias para viver feliz.

Dei-lhe um abraço. Daqueles em que pomos a alma, o coração e não temos mãos que cheguem para abraçar 24 anos de brilho.

Deu-me uma concha, com um furinho, com um cordão de couro para enfiar na cabeça. Tinha-a apanhado no seu Mundo Feliz , e trouxe-a para mim.
Soube-me a Sol, a Vento, a Mar, a Amor. Reluzia como Ouro das Estrelas!

Vi-o partir!

- Adeus Quica, qualquer dia escrevo, porque lá não há net!

Ficou-me nos olhos o seu brilho, num banho de água salgada.

- Adeus minha Estrela. Junta o teu brilho ao do Sol e do Amor! Vive!

Soubera eu ter a tua coragem!




18 comentários:

Lina Querubim disse...

LINDOOOOOOOOOO Quica!
Só não entendi a despedida...que tipo de despedida foi???
Beijokas dorme com os Anjos

Pó de Estrela disse...

Querida Lina

Foi a despedida de uma Mãe Estrela que vê uma das suas estrelinhas desprender-se de tudo, para seguir um sonho. A frase última, é uma observação minha. Quem me dera ter tido coragem de tal como ele, ter largado TUDO até a Engenharia, e partir em busca de sonho. de uma nova forma de estar na vida e de compreender a verdadeira felicidade.

Foi um Adeus Feliz, mas que como a qualquer "mãe" deixa uma marca no coração que se chama saudade!( talvez egoísmo?)

Dorme bem meu Anjo Brilhante
Beijinhos de poeira Estrelar!

Lina Querubim disse...

Ahhhhhhhh foi á procura do sonho dele ;) assutei-me...foi isso?
Assim melhorou! :)
Beijinhos dorme com os Anjos

poetaeusou . . . disse...

*
que o brilho da procura,
inunde de Luz
a sua meta . . . a Felicidade,
,
conchinhas,
,
*

Pó de Estrela disse...

Acredito que sim POETA

É uma Estrela muito especial, que soube fazer a escolha no tempo certo!

Tenho a certeza que vai ser MUITO FELIZ

Beijo de EStrelinhas

Tite disse...

Pózinho,

É natural que, no meio de tantas estrelas que acarinhaste e formaste, alguma delas optasse por viver e lidar bem com a Natureza. Afinal... o mundo dito "civilizado" anda demasiado cheio de ratoeiras e obstáculos à Felicidade.

Que ele seja verdadeiramente Feliz e te vá dando notícias "à moda antiga".

Beijos para a Estrela Maior

Canduxa disse...

Quica Querida,

Vi esse brilho nos teus olhos verdes, banhados em água salgada.
Eu sei que és feliz quando fazes os outros felizes e que esta despedida foi a certeza de que passaste bem a mensagem a uma das tuas estrelinhas.
SER FELIZ, muitas vezes implica trocar o certo pelo incerto e deixar-se levar ao sabor do amor. A tua estrelinha assim fez….teve uma boa mestre e coragem suficiente para tudo abandonar.Agora brilha num outro céu, que quase se junta ao mar e onde todos brilham sem se atropelar.
Desejo ao João que seja feliz e a ti, estrelinha mãe, parabéns por teres educado tão bem esta e outras estrelinhas.

Mais um abraço com muito carinho e apertadinhos, daqueles que gosto de te dar.

Pó de Estrela disse...

Tite

É bom olhar para trás e poder dizer:
- Este, saiu das minhas mãos!
Não importa que seja bombeiro, cabeleireira, professor, varredor, doutor. Interessa sim que nós professores saibamos passar às nossas estrelinhas, uma mensagem de valores humanos e morais, de uma forma construtiva,abrindo-lhes caminhos que os ajudem a escolher os seus e a fazer mudanças sem medos, com esperança e com amor. Só assim a nossa civilização poderá mudar, para que um dia possamos ser SERES Conscientes de que a nossa Mãe Terra, que tanto nos dá também precisa que nós a embalemos nos braços e a deixemos descançar e renovar.

Um beijinho de Pó de Estrela

Pó de Estrela disse...

Querida Canduxa

Ainda não fechei o livro, nem a água salgada!

Folheio-o página a página com doçura e com nostalgia. Talvez seja uma catarse e depois fique mais serena.

Foi bom ter um ombro onde pousar a cabeça e um coração que acarinhasse o meu ainda tão dorido.

Os Anjos aparecem quando os nossos corações sofrem e precisam de aconchego. Assim foi hoje. Um Anjo veio ter comigo e perdemos-nos nas horas, no tempo e no espaço.
Ainda sinto a suavidade das suas Asas.

Beijos para alguém que já é uma Estrela

alegria de viver disse...

Querida amiga
Esta história de vida é a mais corajosa que um ser humano pode enfrentar. Ninguém está preparado para mudanças, ou melhor procuramos estabilidade, e quando a achamos, não temos mais coragem para mudar tudo novamente.
Por isso dou os parabéns para sua estrelinha, ainda mais que vai viver em contato com a natureza.

Amiga o seu sobrinho que veio para Florianópolis também é corajoso, apesar de dizerem que esta cidade é linda. Fica muito longe do Rio de Janeiro.
O que importa é ser feliz.
Com muito carinho fique bem. BJS.

Pó de Estrela disse...

Rufina querida

Pois a história é a dele mesmo. Não é meu sobrinho, é meu afilhado e o local para onde ele foi é na ilha de florianópolis, mas longe de toda a "civilização! Fica mesmo no sul da Ilha, nem sequer lá vão carros e não têm electicidade nem água canalizada, mas pelas fotografias que vi, ele o meu Corajoso, vai para o Paraíso.

Beijo grande da tua Pózinhos

Eliane disse...

Olá querida Quica!
Que bom quando a pessoa tem a coragem de decidir em prol de sua felicidade!E é bom saber que contribuímos para isso.
Beijinhos com carinho e luz!

RETIRO do ÉDEN disse...

Está tudo dito e desejado.
Não tenho palavras diferentes para acrescentar ao já escrito acima.
Já vim um pouco tarde...só hoje por aqui passei e fiquei uma vez mais maravilhada e também feliz.

Que Jesus, Maria e José o acompanhem sempre na busca da sua felicidade.
Bjs.
Mer

Canduxa disse...

Pozinho dourado,

Sei que aos poucos a tua caixa mágica se vai abrir, mais histórias lindas vou ouvir contar e mais abraços apertadinhos vou ter que te dar....um dia só haverá sorrisos no teu rosto e brilho de estrelas no teu olhar.
Estarei perto de ti e se não estive....espero que me chames para podermos juntas celebrar.

Que o doce embalar dos anjos e a sua luz te acompanhe nesta noite.
Beijinhos

Maria Emília disse...

Que bom ter uma estrelinha que nos ensina a ser felizes.
Um grande beijinho,
Mari Emília

Pó de Estrela disse...

Meus queridos e queridas amigas

Não estranhem a minha ausência, mas altos valores se "alevantam" e tenho andado numa acção humanitária que me absorve o tempo todo. mas estou feliz, porque um problema trouxe-me pelo menos 3 amizades inestimáveis e só por isso já vale a pena todo o esforço.

Maria Emília
ainda ando às voltas com aquele problema de que lhe falei por mail. Felizmente tudo se está a resolver. quase que desistia, mas apareceram una "Anjos Coloridos "para me ajudar!!!

Um beijinho grande, do tamanho do Universo estrelar

Mariz disse...

Quica querida

Que o céu guarde a tua estrelinha que tão bem soubeste educar e encaminhar...
Eu tudo fiz para que a minha família ficasse bem e com uma estructura igual ou semelhante á minha, - depois de me divorciar voltámos os 3 para a casa paterna e tudo era igual ao que até aí eu vivi.....pensava eu...afinal não foi! - como pudeste constactar pelo que te mandei.
Levei 38 anos a fazer de tudo para que os 4 elementos mais próximos da minha família fossem felizes enquanto eu... por amor a eles, abdiquei de mim.
Até que no final deste ano já, fui "obrigada" a despedir-me....e não mais posso, não posso mesmo, alimentar esta dor que me cala fundo e sempre fui perdoando para que tudo ficasse bem...mas afinal continuei a enganar-me.
Portanto fico feliz quando outras famílias são bem sucedidas e as lágrimas são de encanto e alegria...
uma Benção.
Calcularás por isso não tr aderido ás tuas "memórias do Natal" cujo desafio lançaste, porque essas, há muito que se perderam na minha memória...muito antes de 2003 aquando da "partida" do meu pai....

Vim aqui ainda pedir-te desculpa pela ausência, não por esquecimento, porque estás sempre no meu coração, mas sim, porque há já algum tempo a evolução de muitos problemas e até doenças, convergiram para uma nova viragem na minha vida, como já te disse. Tanto assim, que perdi a vontade de vir para a blogosfera. E faço um esforço enorme para "postar" algo; mas tomo isso como "serviço"/missão - para que hajam outras almas, que no seu "despertar"se revejam infimamente no que escrevo....é por isso que ainda não fechei os blogs de vez!
Portanto, restam-me os comentários que vou acabar dia Ano Novo - por acaso coincide com o 1º aniversário do Didi....que não o verei nem assistirei, óbvio. - tu leste!

Deixo-te um presentinho de Natal que elaborei para todos os amigos/as.
E como estou sózinha - nesta como noutras Quadras - foi a pensar em ti/vós, que o elaborei. Assim, estão todos comigo em pensamento como num quadro falado - assim refiro:
"velas, almofadas, mantas, bolo de mel, vinho velho e....conversando até ás tantas,
ao som de"....
(cicka e vê)
Deixo os meus Maiores votos....
Com as Bençãos que a Divindade em mim, te entrega....
Com o incenso que coloco a arder limpando a atmosfera que respiras....
Pego nas tuas mãos, e inclinando-me sobre a tua testa, dou-te um suave beijo, e baixinho murmuro:
onde estiveres, o que fizeres, ou pelo que passares, estarei contigo... - sempre...


Sempre...

Mariz

Nota:Apenas no blog mariz nos posts já publicados os comentário continuam.... mas nunca sei quem escreve, pois não tenho qualquer aviso no meu mail....só quando for rever todos os post.....????!!!!
Mas tens sempre o meu mail

Mariz disse...

Já vim aqui algumas vezes mas reparei que deves estar ocupada com osdesafios que lançaste para o Natal - que li.

Também pensei que ao confiar-te algo íntimo/pessoal do que se vem passando comigo, te lmmbrasses de me escrever algo... mas também recebi apenas silêncio. Se calhar até será o melhor... o silêncio é portador de muitos sentimentos, até do esquecimento...e como eu estou habituada a ele! - embora não actue da mesma forma.

Desejo-te um amoroso Natal na companhia dos teus e que Ano de 2010 seja o (Re)Começo de como a vida deverá ser vivida e sentida!

A prenda que elaborei para os mais chegados, já ficou acima registada.

O meu abraço de sempre..
Mariz